Turnos Recentes

De regresso por uns minut...

Entre papeis...

Do Natal ao Ano Novo

Bom Natal...

Uma manhã caótica ....

Força de vontade

Medicina ou infecto conta...

As melhoras são boas de v...

In love

Desorientações à parte...

Turnos passados

Abril 2009

Fevereiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Junho 2007

Maio 2007

Web Counter
Free Counter
Sexta-feira, 29 de Agosto de 2008

O que é perder a dignidade?!

Hoje enquanto dava uma banhoca, a sra perguntou-me " Porque é que fazemos tanto na vida, lutamos tanto pelas coisas e depois perdemos a dignidade assim? Porque lutamos tanto para ter as coisas se agora não as posso gozar e aqui estou eu!?"

Quando me falou em dignidade, e tendo em conta o post anterior, pensei que fosse do facto de estar dependente e de eu lhe estar a dar o banho, verifiquei se a sra estava minimante tapada, se as cortinas estavam bem fechadas e assim sendo, perguntei-lhe

- "O que a leva a dizer que perdeu a dignidade? Há alguma coisa que estejamos a fazer que a faça sentir assim?!"

Ela respondeu-me: digo que perdi a dignidade porque poucas pessoas aqui chegam com palavras de atenção, força e carinho... poucas as pessoas que aqui vêm com voz amiga! Flores...? Secam e murcham e vão para o lixo... as palavras doces, guardo-as cá até morrer e enquanto sou lucida...!!!"

Fiquei sem resposta... sei que se poderia estar a referir aos profissionais, mas acredito que tenha sido principalmente da familia ou conhecidos que, no seu entender, pouco a têm apoiado.

Ela fez-me pensar, que de facto trabalhamos, turnos marados, juntamos dinheiros para casa, viagens, um carro, uma vida melhor... e, sabe-se lá quando, lá vamos nós daqui para outro mundo, sem aproveitar nada. Sei que me podem dizer: "então, mas aproveitas enquanto estás viva...! ", mas eu sei lá se aproveito...!!! Uma pessoa sempre com projectos na cabeça e o trabalho é uma constante! O que vale é que gosto do que faço, imaginem se não gostasse!!!

Hoje faleceu um senhor, ainda novo, mas infelizmente com doença terminal. Felizmente este senhor teve algo que raramente ali se vê: conseguimos ter a familia presente para se despedir dele antes de desligar as perfusões que o mantinham deste lado. Um dia, se tiver de morrer no hospital, só espero que tenha a sorte de morrer junto das pessoas que me são mais queridas!!! Não o desejamos todos?!



17 comentários:
De * * Grilinha * * a 30 de Agosto de 2008 às 00:07
É complicado estar doente num hospital.

Durante a semana passada e que estive novamente internada passou-se algo complicado com uma doente.

A hora da última medicação passou para além das 2 da manhã mas felizmente conseguiram ventilar a senhora e levá-la para a UCIP


De teresa castro a 5 de Setembro de 2008 às 16:14
Olá.
Estou em período de estágio em Enfermagem e parece que tudo que li é a minha realidade ak. Sem tirar, nem pòr.

Encantada... como os cuidados e os cuidadores não diferem de postura em qualquer que seja seu país, não é mesmo??

Prazer.


De nursy a 18 de Setembro de 2008 às 15:52
Pois... nunca estive internada, mas não deve ser facil para os outros doentes quando estamos em situações em que temos de dar maior atenção a outros doentes... =( como somos poucos, ás vezes acontece isso...!!! beijos


De andreia a 30 de Agosto de 2008 às 15:21
Olá.! descobri muito recentemente o teu blog... e tenho-o estado a ler de uma maneira quase obsessiva... Transmites tão bem os teus sentimentos que até me chega a arrepiar!!! Em relação a pergunta final que deixas, tenho a dizer que é mto dificil responder. Nunca estive internada num hospital, mas tenho PAVOR, só de pensar nisso. Será que quando estão em estado terminal as pessoas têm noção disso?Ou seja é possível essa despedida? Com serenidade? A minha querida avó morreu (sozinha) durante a noite num hospital e para nós isso foi algo reconfortante, pois sabíamos que ela se sentia muito segura lá...


De nursy a 18 de Setembro de 2008 às 16:16
Ola* Obrigado pelo comentario! Pois... eu acredito que hajam pessoas que têm noção que vão morrer... pessoas que sabem que está a chegar a hora e ás vezes, mesmo em tom de brincadeira, nos avisam. Geralmente muitos doentes estão muito tempo em coma antes de faleceram, e o incrivel é que conseguem estar assim mais do que um dia... será que estão serenos?... Ja deve ser mais o corpo que a alma que vemos ali...
beijos


De cuidandodemim a 1 de Setembro de 2008 às 15:05
Sem dúvida que o desejamos.
E nós, como enfermeiros devíamos ter isso sempre em conta...
Eu como trabalho num serviço de urgência nem sempre me é fácil conseguir que isso aconteça, mas é essencial que se pare e pense: devo começar a fazer reanimação neste caso que é praticamente impossível de aguentar a vida ou deixo entrar a família para que a pessoa feche os olhos para sempre com o olhar e as mãos de quem mais gostam pousados em si?


De nursy a 18 de Setembro de 2008 às 16:18
É de facto uma pergunta complexa... a resposta depende não só da viabilidade do doente como da vontade dos familiares, mas também de acordo com o que consideramos vir a ser distanásia! Um serviço de urgencia acaba por ser diferente de um internamento e geralmente, acredito, que se as familias não estão mais presente é mesmo pelas caracteristcas desse serviço! Beijo


De Miss Pepper a 3 de Setembro de 2008 às 21:21
AS palavras e o carinho são coisas fundamentais para quem se encontra doente. E deve ser isso que às vezes as famílias se esquecem. E realmente para quê tanta luta e esforço se no fim das nossas vidas nem uma palavra de alento merecemos ouvir? :/
Profissão tramada a tua!

xinhus


De nursy a 18 de Setembro de 2008 às 16:21
Tramada é como quem diz... =P Não é facil gerir estes sentimentos que muitas vezes me invadem. As vezes digo que preferia ser ignorante que ao menos era feliz, não pensava tanto nestas coisas de vida e morte e no sentido da vida... se bem que no fundo, até nos faz bem, ao menos conduz-nos a que a vivamos melhor, a que aproveitemos as pessoas queridas na nossa vida e para que lhe digamos o quanto gostamos delas enquanto nos podem ouvir!!! Beijos


De pseudo_andebolistanadadora a 5 de Setembro de 2008 às 13:05
É triste, como tu disseste, passarmos uma vida a trabalhar, a projectar por ter melhor conforto e depois acabamos, as vezes como essa senhora, sozinhos.
Ás vezes não acabamos sozinhos, mas a vida é tão injusta que quando uma pessoa está, finalmente, disposta a aproveitar tudo aquilo que conquistou, "vai para o outro lado".
Gostei muito do texto, adoro a forma como escreves :)
beijinho


De nursy a 18 de Setembro de 2008 às 16:22
Obrigado! Pois... vamos para o outro lado quando menos esperamos... até lá, é aproveitar!! beijos


De enfermeiro_de_serviço a 10 de Setembro de 2008 às 04:45
Flores...? Secam e murcham e vão para o lixo... as palavras doces, guardo-as cá até morrer e enquanto sou lucida..."

Admito que fiquei com um nó na garganta quando li isto..

Parabéns...está cada vez melhor o blog..:)

beijinho


De nursy a 18 de Setembro de 2008 às 16:22
Obrigado! Os idosos são de facto uns sabios, ensinam-nos muitoo... =)


De umbreveolhar a 13 de Setembro de 2008 às 13:31
São factos que podem ter várias interpretações. É para mim difícil analisar bem o caso porque é algo enigmático para quem está de fora como eu! No entanto acho que tu tens razão. E quanto aos outros/as, é como diz o ditado: Mais vale aturá-los/as do que ser como eles/as.
Felicidades e que tudo te corra bem, dentro e fora da água de banho! Gostei e Parabéns.
Carlos Alberto


De nursy a 18 de Setembro de 2008 às 16:23
Obrigado pelo comentario. Sempre bem vindo*


De anônima, a 6 de Junho de 2012 às 12:35
...ass: Sam .


De sam a 6 de Junho de 2012 às 12:52
Fiquei sensibilisada com a forma que você expressou seus sentimentos quanto ao comentário da senhora Que cuidava que em meio ao sofrimento dela ainda assim a maneira dela nos encinou lindas liÇões de vida ,você esta de parabéns por se importar em passar sua experiência , isso demontra como você se importou com os sentimentos de quem cuidavas , parabéns á senhora que sensibilisou a todos nós também ,... ass:Sam .


Comentar post

Mais sobre mim

Pesquisar neste blog

 

Abril 2009

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4

5
6
7
8
9
10
11

12
13
14
15
16
17
18

19
20
21
22
23
24
25

26
27
28
29
30


tags

todas as tags

Links

online
blogs SAPO

subscrever feeds