Turnos Recentes

Porque tenho um blog? (de...

Sorrisos e cortinados...

Entre a morte e a desorie...

Após um turno da manhã...

Turnos passados

Abril 2009

Fevereiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Junho 2007

Maio 2007


Quinta-feira, 27 de Março de 2008

Porque tenho um blog? (desafio...)

Este é um desafio proposto por uma pessoa a quem gostaria de retribuir o desafio porque sou uma leitora assidua do blog - Tuga em Londres.

 

Regras do desafio: "As que regem todos os outros desafios, seguindo a regra de bem viver na blogoesfera, responder à pergunta e passá-la a outros bloguistas num nº entre 7 e 9 dizendo porque os seguem, enviar selo do desafio."

 

Comecei este blog com vários objectivos e por várias razões...

Uma das razões é que ao escrever o que me acontece na profissão, as situações que vivencio, acabo por reflectir sobre elas, sobre o que fiz bem e mal e isso talvez me ajude a melhorar a minha prática...

Outra razão prende-se com o facto de poder ser um meio de transmitir ás pessoas o outro lado da enfermagem... das pessoas que são as enfermeiras, que têm também as suas defesas e são "pessoas que cuidam de pessoas"...

Muito suncintamente, é isto...

 

Passar este desafio é dificil, porque eu vou andando por aí e comentando quando tenho tempo...

 

Riscos e Rabiscos - Porque gosto... =) Gosto de ler os post, os comentários, as histórias, geralmente divertidas...

Enfermaria de Campanha - Porque me parece uma pessoa cheia de força e que também anda na mesma luta que eu, na enfermagem.

Webi (Calatedorme) - Apesar de estar já há algum sem postar... tem uns posts engraçados e temos o mesmo gosto dela anatomia de grey ;)

Maria minha vida - Uma super mamã, das primeiras pessoas a frequentar o meu blog. Gosto muito do dela pelas peripécias que conta da sua linda filhota.

A vidinha de uma gaja - Não há muito que se posso dizer deste blog... quem conhece sabe o que digo... parece uma mulher 5 estrelas, com um humor incrível, já mereceu destaque no sapo algumas vezes, e com razão!!!

Crónicas de uma enfermeira - Outra colega, a trabalhar numa área diferente, mas sempre com histórias interessantes..!

Mulher à beira de um ataque de nervos - Gosto, porque gosto... da frontalidade, do humor... do blog em geral... =)

 

 

E posto isto...

beijos e abraços***

Sinto-me: Desafiada...


Segunda-feira, 21 de Maio de 2007

Sorrisos e cortinados...

No dia depois do meu clube ter ficado em segundo lugar (mas com mérito para muito mais ), ca estou eu a preparar-me para ir trabalhar 16horas seguidas...consequência de trocas de turnos para ter umas folguitas nos dias que quero. Sim, é mais cansativo e, logo, há maior probabilidade de existirem mais erros.. por isso a atenção tem de ser redobrada... mas existem vantagens, por exemplo, é mais fácil de planear as acções de enfermagem ao logo do dia e para o turno seguinte e acompanha-se o doente muito mais fácilmente...

A senhora de quem tenho falado nos ultimos dias (vou chamá-la de I.) está bem bem melhor!!! Ontem quis ouvir o relato de futebol... é benfiquista! E lá esteve ela a tarde toda de auricular nos ouvidos a dizer-me as novidades dos clubes! Ficámos as 2 resignadas pelas posiçoes dos nossos clubes, mas foi engraçado!! Ela já comunica mais, diz que já respira melhor sem oxigénio, mas ainda precisa de ajuda para se movimentar, ainda é alimentada por sonda nasogastrica (tubo que vai do nariz até ao estomago) e precisa de ajuda para mudar a fralda.O melhor de tudo...continua a sorrir para mim!!!

Uma noite destas, lá pelas 4h da manhã, as minhas colegas começaram a ouvir uns barulhos estranhos numa das enfermarias... e lá foram elas ver o que se passava! Foram encontrar uma doente de pé, em cima da cama (uma sorte não ter caído!!!). "Então minha senhora, que está a fazer em cima da cama?". Responde a senhora "Então não vê? Estou a pendurar cortinados..."... pois...as janelas do serviço bem que agradeciam uns belos enfeites, mas não ás 4h da manhã não é....

E é assim... vamos lá ver as aventuras e descompensações desta noite. Depois amanhã conto!

Beijos e Abraços!!

 

Papoilas

(De: Jovino Batista)

Sinto-me: Prestes a fazer 16 horas...
Música: James Morrison - You Give Me Something


Sábado, 19 de Maio de 2007

Entre a morte e a desorientação...

Ela sorriu... :) ela sorriu!!! A Sr ª re-internada ontem, sorriu para mim novamente... já valeu a pena o dia... é por estes pequenos momentos que vale a minha profissão!!! Ela não está melhor... receio mesmo que não vá melhorar como das outras vezes... As vezes não sei se me aproximo ou me afasto... se me aproximo sei que sofro, se me afasto é por defesa... mas não me interessa... se puder estarei sempre lá nos momentos do adeus, estarei lá para confortar o melhor que puder, mesmo que por vezes não consiga dizer nada... mas há gestos que valem por muitas acções!!!

Desde que trabalho já tive vários doentes que morreram, mas nunca consegui estar presente por muitas e varias razões... Sim, é verdade, infelizmente há pessoas que morrem sozinhas, mesmo rodeadas de gente, morrem sozinhas. Sinto que por vezes é falha nossa, mas também sei que nem sempre é culpa dos profissionais, mas do trabalho em si.

Não sei se têm noção... mas há turnos em que tenho à minha responsabilidade 10 a 11 doentes... há quem tenha mais, há quem faça noites responsável por mais de 20 doentes... e é muito difícil assim conseguir dar o acompanhamento necessário em todos os momentos... é difícil conversar com as pessoas.  Já imaginaram estar internados e não ter visitas? E as pessoas à vossa volta não terem 5 minutos para vos falar, sem ser para perguntar se têm dores, alguma queixa, ver as tensões arteriais e as temperaturas... imagino que deva ser muito deprimente ficar assim, por vezes, uma semana.   Frequentemente tento colocar-me no lugar da pessoa a quem presto cuidados, e por imaginar que seja assim tento ter um tempinho nos meus turnos para conversar um pouco, falar algo mais sem ser "o habitual". E aprende-se imenso...conhece-se pessoas com vidas espectaculares e enriquece mesmo muito. Só que este "tempinho" que tento ter é muito muito raro....há sempre imenso trabalho e bem... existem prioridades!!!

Ser enfermeiro é também um perigo... ontem um doente tentou morder a minha colega... ele pensava que estava na tropa e que o estávamos a obrigar a comer. Queria até levar-nos ao sindicato dele... pois é... o que vale é que a minha colega foi mais rápida e lá conseguiu retirar o braço a tempo!!! Depois o senhor começou a preparar-se para pontapear quem estivesse a frente... e tudo porque era hora de almoço e o senhor, que não comia desde o dia anterior, dizia que tinha fome mas que só comia o que bem lhe apetecia. Dizia "detesto sopa!!!", mas no dia anterior devorou 2 tigelas... é assim...uma pessoa desorientada por períodos ! Hoje o Sr estava bem mais calmo e orientado e lá voltou a devorar 2 tigelas de sopa! Quando em conversa com ele lhe dissemos: "Sabia que ontem tentou morder uma colega nossa?", ele responde muito admirado:" Eu? Não podia ser eu.... nem tenho dentes...!"... enfim...

Amanhã vou fazer tarde... as tardes são mais calmas... não há banhitos para dar (a não ser que um doente resolva fazer pinturas rupestres de fezes pelo seu corpo e pela cama), temos mais tempo para falar com os doentes, para fazer as coisas com calma...gosto das tardes! Fazer tarde tem a vantagem de não ter de me levantar cedo...o que melhora em 30% as minhas capacidades... ehehe ...adoro dormir! E é o que vou fazer agora... uma sestinha !! Bye ...

Beijos e Abraços!!

Eu Vou Mas Volto

(Obrigado Raul Alexandre - autor da foto).

Sinto-me: Cansadita...
Música: Michael Buble - Home


Sexta-feira, 18 de Maio de 2007

Após um turno da manhã...

Mais um turno passou...Hoje foi uma manhã...

Uma vantagem de ser enfermeira é que um turno nunca é igual a outro...porque há sempre situações novas, pessoas novas e cada pessoa é diferente da outra...há sempre muitas coisas em que podemos ficar a pensar e e bastantes situações insólitas para recordar!!!

O turno hoje foi calminho ... tem vindo a ser recorrente os turnos calmos, o que é bom... para mim e também para os doentinhos!

Como já disse ontem, trabalho numa medicina... o que poderá descrever mais ou menos assim:

 

  • Ha sempre muito para aprender  - pois aparece de tudooo !!Todos os tipos de patologias.
  • É "pesado" - isto é, os doentes são na sua maioria muito dependentes que precisam de ajuda para tudo! A palavra pesado vem do facto de sermos nós quem faz toda a "força" pelos doentes, ou seja...que os movimenta, transfere e posiciona... o que pesa também na nossa coluna!
  • Os doentes são maioritariamente idosos (media de idades...acima de 70 anos).
  • A taxa de mortalidade é maior que em outros serviços  (relacionado principalmente com o ponto anterior)

De momento não me lembro de mais nenhuma característica em especial sobre um serviço de Medicina. Tenho a ideia que, em geral, não é um serviço muito "reconhecido". Geralmente os profissionais só querem unidades de cuidados intensivos, cirurgias e especialidades.

 

Tenho que admitir que trabalhar numa Medicina é, como é que vou dizer isto sem ser mal interpretada... é frustrante, provoca um sentimento enorme de impotência! Passo a explicar!  Cerca de 97% dos doentes internados numa medicina, e dado que são idosos, têm um sem numero de patologias associadas a patologia de internamento; as razoes de internamento são , principalmente situações crónicas, que nunca têm cura, apenas melhorias... logo raramente temos "aquela" realizaçao  de ver um doente a sair saudavel. Geralmente, mantém-se doentes após a alta, foram internado por agravamento da sua patologia, mas ficam melhores, não bons!!! Por exemplo...numa cirurgia... uma basica... uma pessoal entra mal por apendicite...é operada, quando sai, vai para casa recuperada.

Felizmente existem os outros 3% dos doentes que nos conseguem dar o "gostinho" de ver alguem ir para casa a 100%! São os 3% que sabemos que não voltarao passado 1 ou 2 semanas por ter piorado novamente...

 

Por falar em reinternamento ... hoje queria partilhar uma situaçao do meu turno de hoje que foi a admissao de uma doente que tinha tido alta há 3 dias atrás... a senhora entrou por desidrataçao, encefalopatia hepatica (tem uma doença hepatica cronica) e diabetes  - cá estao as amigas crónicas!

Quando a sra saiu no inicio da semana, estava boazinha, ajudava bastante nas actividades da sua vida, era bem disposta, e tinhamos uma pela outra "aquela" empatia. Era bom entrar na sala dela e obter um sorriso enorme por me estar a ver!

Hoje quando ela entrou no serviço, não falou...mal abriu os olhos e quando me viu, percebi que me reconhceu...  mas não sorriu... não fez nada...está completamente prostada, dependente para tudo... custa tanto  ver uma "degradaçao" da saúde assim... Estou desejando que amanha quando chegar ao serviço ela ainda lá esteja...e desejo que amanha sorria para mim... é isto que custa nesta profissao, e que me vai sempre custar... ver as vidas a irem-se... ver tanta dor, sofrimento fisico e mental e sentirmo-nos completamente impotentes perante isso...

Infelizmente, isto é o dia a dia ali ... já conhecemos os doentes, porque são sempre os mesmo, com multiplos internamentos por agravamento das doenças... umas vezes vêm melhores, outras piores... outras vezes vêm e já não vão embora...

Uma pequena melhoria, é sem dúvida, uma grande conquista....

Dá que pensar, estes reinternamentos... serão apenas as patologias por serem crónicas...serão as femilias / cuidadores destes doentes, serão as altas precoces....?

 

Amanha é sábado...fim de semana para os demais...para os enfermeiros, não há fim de semana... há folgas, feriados e férias... amanhã, para mim, é mais um dia de trabalho!!! Folguita agora só 4a!!

Um abraço e um beijinho***

 

(obrigado Luz da Noite)

sopra

 

 

 

 

Sinto-me: Impotente...
Música: Linkin Park - What I've Done


Mais sobre mim

Pesquisar neste blog

 

Abril 2009

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4

5
6
7
8
9
10
11

12
13
14
15
16
17
18

19
20
21
22
23
24
25

26
27
28
29
30


tags

todas as tags

Links

blogs SAPO

subscrever feeds